Jarles marca, e Friburguense empata amistoso com o Itaboraí no Eduardo Guinle

Um amistoso com cara de série B. Muita marcação, divididas fortes e chances raras de gols. Se o Friburguense planejava montar um cenário semelhante ao que deve encontrar, o objetivo foi cumprido na manhã do último sábado, 29, durante o empate por 1×1 com o Itaboraí, adversário na segunda divisão estadual. Jarles abriu o placar para o Tricolor, enquanto os visitantes chegaram ao gol em cobrança de pênalti. Os dois tentos aconteceram no segundo tempo.

O Friburguense segue com a rotina de treinos até a data de estreia na série B, em 13 de maio. O adversário é o Goytacaz, em partida que acontece às 15h, no Ari de Oliveira.

Contra um adversário forte fisicamente, o Frizão iniciou o jogo à procura de espaços. O Itaboraí, por sua vez, apostava na velocidade para contra atacar e pegar a defesa tricolor desprevenida. E foi assim que quase conseguiu a primeira finalização, não fosse o corte providencial de Gabriel. Pela direita que o Friburguense encontrou o caminho, explorando a velocidade de Jarles. As melhores chances surgiram em dois levantamentos à grande área, onde o tricolor não conseguiu finalizar. O adversário, da mesma forma, não chutou ao gol no primeiro tempo.

 

Segundo tempo

Em véspera de competição, as tradicionais alterações de intervalo, por vezes de toda a equipe, dão lugar à prioridade pelo ritmo de jogo. Desta forma, Friburguense e Itaboraí mantiveram praticamente as mesmas formações. O panorama, do mesmo modo, pouco mudou. Muita marcação, algumas divididas mais fortes e pouca emoção.

O Friburguense teve bom momento quando Rodrigo roubou a bola na intermediária e rolou para Lohan, que ajeitou para Jefferson. O meia, no entanto, não conseguiu ajeitar o corpo para bater e acabou desarmado. O Itaboraí encaixou com contra ataque pouco depois, onde Crispin parou em boa saída de Afonso. A resposta veio em cabeçada de Bidu, após levantamento preciso de Everton. O goleiro, bem posicionado, fez a defesa. O Tricolor da Serra chegou ao gol quando Jefferson descobriu Lohan nas costas da defesa. O atacante bateu prensado, e no rebote, Jarles empurrou para as redes.

Merica, então, mexeu no ataque. Jeffinho, Ziquinha e Ricardo alteraram quase por completo o sistema ofensivo. João Victor também foi a campo. Os visitantes também mexeram. O árbitro enxergou pênalti em bola dividida na grande área, e o Itaboraí conseguiu o empate, decretando assim o placar final do amistoso.

Postagens recentes

Deixe um comentário